Cirurgia Plástica de Reparação

Atualizado: 13 de out.

Veja em quais casos uma plástica reparadora é realizada.

Quando há a presença de más formações ou lesões, sejam elas congênitas (do nascimento) ou adquiridas por acidentes (mordidas de cachorro, batidas de carro etc),

a cirurgia plástica de reparação contribui para reconstituir aquilo que se perdeu.



Alguns exemplos de situações em que a cirurgia de reparação é necessária:


➡ Queimaduras e sequelas de queimaduras;


➡ Reconstruções pós-trauma (cicatrizes, mordidas, lesões);


➡ Reparação de Lábio Leporino e Fenda Palatina;


➡ Blefaroplastia em caso de ptose palpebral


➡ Reconstrução mamária para mulheres que removeram parcial ou total as mamas para prevenir ou tratar o câncer.


Esse é um procedimento cujo objetivo é corrigir aquilo que interfere na qualidade de vida do paciente, para resgatar a autoestima, já que lesões decorrentes de traumas deixam sequelas graves e visíveis!


Para mais informações, entre em contato!